Textos

Hoje eu acordei pensando em nós

 

Hoje eu acordei pensando em nós, em tudo que já fomos e no que não somos mais. Na forma como você me olhava e também em como se preocupava. Você segurava minha mão e caminhava ao meu lado, qualquer coisa era um bom motivo para me dar um chocolate.

Também acordei pensando em como minhas lágrimas te incomodavam e como minha felicidade lhe fazia feliz. Lembrei de como no início eu não tinha ideia do que fazer com tudo que sentia por você e tudo que você dizia sentir por mim. Era tudo tão confuso.

Hoje acordei lembrando de como me esforcei para tudo dar certo e hoje percebi que talvez eu tenha tentado de mais. Nunca fui boa em fazer dar certo, mas eu queria que dessa vez desse, queria conseguir mostrar pra você tudo que no fundo eu sentia.

Hoje percebi que às vezes, quando tentamos ser tudo que alguém quer, deixamos de ser quem realmente somos. Hoje eu acordei com a sensação de que eu sou capaz de gostar dos seus defeitos, mas que você não suporta os meus.

Hoje eu acordei triste. Triste de pensar que talvez para você nada nunca será suficiente. Que talvez você nunca consiga ser feliz ao meu lado. Ou até seja, mas no dia que eu não conseguir ser feliz mais. Quando eu for a garota sem erros que você tanto esperou.

O problema é que eu sou toda errada. E gosto de ser assim. E um dos meus problemas é esperar que a pessoa que me ame, aceite meu jeito errada de ser. Que eu posso não fazer muita coisa certa, mas que eu sempre serei capaz de mover o mundo e aceitar tudo para ver quem eu amo feliz. Mas que a recíproca precisa ser verdadeira.

Hoje eu olhei no espelho e não fui capaz de reconhecer a pessoa que me olhou de volta. Ela era tudo que um dia eu quis ser, mas eu sentia pena dela, porque ela era triste como eu nunca tinha sido.

Hoje foi a primeira vez em meses que, apesar de acordar triste, apesar de acordar pensando em nós, eu acordei me sentindo eu mesma. A garota que é apaixonada por ela mesma, que odeia ser feita de idiota, que odeia ser deixada em segundo plano e que é capaz de amar alguém como se sua vida dependesse disso, mas que precisa ser amada de volta. A garota que nunca se humilhou por ninguém além dela mesma.

Hoje eu entendi que eu te amo, mas que você talvez não me ame tanto assim. Ou até ame, mas seu amor sempre está condicionado a situação. Se algo deu errado na sua vida ou você simplesmente não está feliz, a forma como você me olha não é mais com amor, mas com impaciência. Olha como se eu nunca fosse capaz de entender ou te ajudar a resolver um problema. Age como se eu fosse alheia a sua vida e fosse qualquer pessoa, quem sabe alguém que você acabou de conhecer.

Hoje, quando eu sentei para escrever esse texto, eu pensei que talvez você não saiba mais porque está comigo, quem sabe tenha se esquecido quem eu sou, ou ainda não se importe ou tenha se acomodado. Você disse que dessa vez queria fazer tudo certo, mas eu penso que fazer tudo certo não é namorar, pedir em casamento, morar junto e viver feliz para sempre. Eu penso que fazer tudo certo é amar quem esta ao seu lado todos os dias, é não ser feliz para sempre, mas ser feliz sempre. É ter respeito. Fazer tudo certo é se importar, independente de eu ser sua ficante, sua namorada ou sua esposa.

E hoje, quando acordei pensando em nós, eu percebi que sinto saudades de quem eu era e de quem nós éramos. Sinto saudades dos dias que eu decidia passar por cima de um desentendimento em prol de tudo que nós éramos. Porque nós já fomos muita coisa, mas hoje eu não tenho a menor ideia do que nós somos ou do que significa “nós” para você.

Penso que você tenha perdido o significado do “nós” quando minhas lágrimas pararam de significar alguma coisa para você, quando minhas reclamações se tornaram drama e quando minhas perguntas me transformaram em alguém que não presta atenção. Você perdeu o “nós” e ficou com o “eu”.

E hoje eu acordei pensando que talvez eu também deva parar de pensar no “nós” e no quanto eu amo ele. Talvez a partir de hoje eu deva amar mais o meu eu, para que quem sabe assim você perceba que o meu “eu” existe tanto quanto o seu e ele também precisa ser amado. Porque eu amo você, mas pela primeira vez em muito tempo, eu percebi que amei você mais do que amei a mim.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *