Divulgação, Notícias

[Lançamento] Editora Paralela

Olá!! Como estão?

Hoje trago para vocês dois lançamentos da Editora Paralela.

Sua vida em movimento

Chega um livro para todos aqueles que já deram uma desculpa para não se exercitar: Sua vida em movimento, de Márcio Atalla, educador físico do quadro “Medida Certa” da TV. No livro, Atalla apresenta alternativas para que homens, mulheres, crianças e idosos cuidem da saúde sem desculpas. Por meio de casos reais de alunos, ele dá dicas de como se alimentar bem, incluir o movimento no cotidiano e associar o lazer à atividade física, transformando completamente a atitude em relação ao corpo. Os benefícios da adoção desse novo estilo de vida não se restringem à saúde física, mas também melhoram a autoestima, a saúde mental e a qualidade de vida como um todo. Sua vida em movimento é, portanto, um manual indispensável da boa saúde e do bem–estar nos tempos modernos, indispensável para qualquer pessoa que queira começar a viver melhor agora.

Para ler um trecho, clique aqui!

21.12

Em Los Angeles, nem todo mundo acreditava que o mundo de fato acabaria em 21 de dezembro de 2012: luzes vermelhas e verdes decoravam cada canto da cidade para as festas de fim de ano. Assim, no dia 11 de dezembro, como fazia todos os dias, o dr. Gabriel Stanton acordou cedo e passeou pelo calçadão de Venice Beach antes de seguir para seu laboratório no Centro Príon de Controle de Doenças. Ao chegar lá, contudo, recebeu uma ligação. Urgente. Enquanto isso, Chel Manu, uma importante pesquisadora em linguística e epigrafia maia, é interrompida em seu escritório por um comerciante do mercado negro de antiguidades que, desesperado, implora para que ela guarde por um tempo sua aquisição mais recente. No fim do dia, Stanton estará às voltas com um paciente guatemalteco cujos sintomas confundem e aterrorizam. E Chel terá diante de si um artefato ilegal que pode conter a resposta para um dos grandes enigmas da história: por que os reinos maias desapareceram da noite para o dia. Isso tudo num momento em que a nossa própria civilização pode ter o mesmo destino.

Para ler um trecho, clique aqui!

Bem, é isso gente, boa leitura!!

Beijos.

Laury.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *